Custo De Vida Na Itália: Descubra Todos Os Detalhes

Muitos ítalo-brasileiros se perguntam qual o custo de vida na Itália? 

É óbvio que, quando você planeja morar ou viajar para outro país que tem uma cultura diferente tanto estrutural, tecnológica ou financeira, é necessário fazer uma pesquisa, planejamento e um cálculo monetário.

Nesse material você vai saber quais as melhores cidades com o menor custo de vida, os prós e contras, gastos com moradia, transporte, lazer e cultura.

Leia até o final e não perca nenhum dos detalhes.

Custos Na Alimentação

A princípio a gastronomia italiana é conhecida por ser bem artesanal.

Por isso, os pratos italianos costumam ser mais orgânicos e naturais possíveis.

Isso é exatamente o contrário do que muitos pensam em relação ao  italiano só consumir massa.

Em um orçamento de alimentação deve se levar em consideração vários fatores, entre eles:

  • Alimentação em fast foods ou comida de rua;
  • Restaurantes;
  • Alimentação em lazer ou viagens;
  • Em casa.

Em cada tipo de alimentação há uma determinada faixa de custo.

Então se somarmos  esses gastos que seriam os mais tradicionais, com um casal chegaríamos a média de 200 euros por semana.

Você viu como é um valor considerável?

No entanto, tudo vai depender dos luxos e da forma que você vai gastar na sua alimentação.

Ou seja, se você é do tipo econômico ou que gasta de alguns luxos, isso vai influenciar muito no seu custo de vida na Itália.

Custos De vida Com Lazer E Saúde

O sistema de saúde na Itália é gratuito, mas quando você não consegue a isenção que vai depender da sua renda na Itália, você pode pagar o ticket, que é um bilhete através do qual você desembolsa uma taxa para você fazer uma consulta na área da saúde.

Nesse contexto, você pode precisar pagar uma taxa simbólica em atendimento ou exames, dependendo da região em que reside e do salário anual familiar.

Ou seja, essa taxa vai depender do procedimento e tipo do serviço recebido. 

A saúde pública na Itália é de excelente qualidade e quase sempre de graça.

Normalmente, existe um médico da família para facilitar o acompanhamento e diagnósticos.

Existe também o sistema particular, que oferece um pouco mais de agilidade e facilidades que o público e não chega perto do alto custo que há no Brasil.

Essas taxas variam muito também, entre valores anuais e mensais, porém com coberturas de internação e direitos à cirurgias, o que pode valer muito a pena.

Se você tem dúvidas ou quer saber mais sobre cidadania italiana e todos seus direitos leia este artigo aqui

Custo Com Internet na Itália

Nesse sentido, as operadoras oferecem vários tipos de planos com ofertas bem atrativas. 

Para internet fixa você vai precisar verificar com as operadoras que atendem a região em que você vai morar e os planos disponíveis.

Contudo, quando contratar o plano, veja se o modem está incluso no plano no valor mensal ou se vai ser pago à parte. Provavelmente a empresa inclui no valor dentro do pacote.

Como a maioria das operadoras na Itália oferecem combos, é aconselhável que você assine estes combos para ficar mais econômico.

Na itália a internet móvel funciona da seguinte forma: existe o 4G e algumas operadoras já oferecem o 5G.

Para um menor custo você deve fazer o que eles chamam de abonamento. Você já ouviu falar nisso?

É um pacote fixo por mês com direito a ligações SMS e pacote de dados, sendo que o pacote é renovado por mês e não é acumulativo. Esses pacotes custam de 7 a 20 euros

Quanto Custa Moradia E Transporte

Outro ponto de fundamental importância dentro da contabilidade para quem vive na Itália é o custo com moradia e transporte.

Vejamos pontos importantes sobre isso.

Moradia

Na Itália os apartamentos são divididos por quantidade de ambientes, por exemplo:

  • Monolocale, seria equivalente a uma kitnet aqui no Brasil.
  • Bilocale, seria um quarto sala com cozinha junto.
  • Trilocale, seria quarto, sala e cozinha separadas.

E por que estou dizendo isso? 

Por que é importante ressaltar que na Itália os preços são baseados na quantidade de ambientes do local.

Também temos que levar em consideração as regiões do país e se estão afastados ou próximos aos centros e isso de certa forma oscila nos custos de vida na Itália.

Os preços variam de 500 euros a 1200 euros, e na maioria das vezes costumam ser mobiliados. 

Cidades que têm fama de serem mais chiques como Roma e Milão tendem a ser mais caras.

Por outro lado, o que é normal em qualquer país: cidades mais afastadas e que ficam no interior costumam ser mais baratas.

Transporte

No geral, o transporte na Itália funciona muito bem.

As cidades grandes tem bastantes opções de transportes que levam para todos os lugares que você pode imaginar.

Além disso, os preços costumam ser muito bons.

Nas cidades pequenas, os valores variam entre 1 a 1,70 euros, sendo que você pode utilizar os bilhetes durante 70 minutos. 

Para municípios vizinhos os preços variam de 2 a 2,50 e, para viagens um pouco mais longas, são 5 euros.

Se você for utilizar o ônibus durante todo mês, você pode adquirir o abonamento que é uma espécie de bilhete mensal que, por 35 euros, você pode usar o transporte público por todo o mês de forma ilimitada.

Conclusão

Portanto, você viu neste artigo que o custo de vida na Itália depende tanto da região como também do salário que se paga nessa localidade.

Também é importante lembrar-se que fatores como regalias e luxos podem determinar muito no custo de vida.

Mesmo assim podemos ver o quanto ainda é incomparável os custo de vida italiano com o brasileiro. 

Na Itália, uma pessoa consegue viver relativamente bem e dignamente. 

Será que no Brasil é assim também?
Então não perca tempo e obtenha sua cidadania italiana, clique aqui e consulte nossa assessoria!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *